Posts tagged "envelhecimento"

A tua marca fala com idosos?

julho 31st, 2017 Publicado por Comportamento, Todas as categorias 0 comentário em “A tua marca fala com idosos?”

Todo mundo quer conquistar audiências jovens. Cativá-los para que deem sustentabilidade aos negócios no futuro, quando tiverem poder de compra. Mas quais são teus esforços de marketing e comunicação para os idosos? Se a tua empresa trabalha com esse público, precisa entender as mudanças. Se não, você deveria se preocupar.

Há uma grande transformação para acontecer. Ela vai afetar aspectos sociais, políticos e econômicos e, claro, a tua empresa, independentemente do teu segmento de atuação. O envelhecimento da população no mundo todo é um caminho sem volta.

Dados da Organização Mundial da Saúde, em levantamento realizado em 2014 e publicado na revista médica The Lancet, mostram que, em 2020, teremos mais pessoas de 60 anos que crianças com menos de 5 anos de idade. É a primeira vez na história que isso acontece. E vem mais… Em 2050, serão dois bilhões de pessoas acima dos 60 anos.

Essa alteração interfere na demografia e modifica a pirâmide etária. A base, formada por jovens, se estreita, enquanto o topo da pirâmide, constituída pelos idosos, acaba se alargando.

onu idosos

Os dados são globais. E o Brasil segue esta mesma tendência. De acordo com o Censo de 2010, produzido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o total de brasileiros com mais de 65 vai quadruplicar até 2060, chegando a 58,4 milhões de pessoa. A expectativa média de vida do brasileiro também crescerá. Deve passar de 75 anos para 81 anos.A expectativa média de vida do brasileiro também crescerá. Atualmente ela está em 74,9 anos. Mas pode chegar a 81,2 até 2050.

expectativa de vida

Mais idosos modificam a minha marca?

Ah! Vai mudar muita coisa. Mais do que viver mais, as pessoas tendem a viver melhor. A diminuição da fecundidade, a evolução da medicina, a melhoria da qualidade de vida e da alimentação contribuem para isso. Pode não parecer, mas o impacto disso é gigantesco.

Talvez o primeiro ponto a ser repensado no marketing e na comunicação é o quanto o contato da tua empresa vai acompanhar esse movimento. Falar com pessoas mais velhas tem outra dinâmica; a forma é fundamental. Considere, ainda, que todo mundo é mídia e produtor de conteúdo. O quanto da tua comunicação condiz com a realidade da população efetivamente idosa? A publicidade que você desenvolve reflete o idoso que pretende atingir?

Darei um exemplo simples, mas que nos faz repensar o tema. Vemos o envelhecimento aumentar. Correto? Por qual motivo, então, a maior parte dos prédios construídos, hoje em dia, ainda privilegia basicamente as crianças? Ah! Deve ser porque as construtoras são burras. Não! Nada disso. Elas sabem muito bem o que fazem, mas poderiam começar a pensar um pouco mais nas necessidades dos idosos.

Números que importam

Um estudo realizado, em outubro de 2016, pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e encomendado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) aponta que 67% dos idosos são os únicos que tomam decisões sobre as compras que fazem; contudo, três em cada dez (34%) afirmam que sentem falta de produtos para a terceira idade.

Hoje, as pessoas com idade mais avançada são retratadas de forma bastante jovial e hiperativa. Ainda que haja uma grande evolução, temos de considerar o contexto. Talvez, para o retrato nacional, não seja uma verdade absoluta, mas as mudanças estão a pleno vapor, inclusive na adoção de tecnologia.

cndl idosos

Fonte: CNDL

 

Outra questão fundamental é o contexto, pois nossa realidade de mercado é bastante particular. Alguns dados ilustram bem isso e dão o tom da importância de considerar o envelhecimento um fator primordial na sua estratégia de comunicação.

  • Segundo a Serasa Experian, cerca de 1 milhão de idosos brasileiros encontra-se na faixa de alta renda, com uma vida luxuosa. Outros 10,8% praticamente sobrevivem em condições precárias.
  • O Instituto Locomotiva mostra que o número de brasileiros conectados na Internet cresceu mais de 100% nos últimos oito anos até 2016. Entre os internautas da terceira idade, o aumento foi de quase 1000%. O Brasil tem mais de mais de cinco milhões de idosos na Internet. A maioria dos conectados está na região Sudeste (60%), pertence às classes A e B e tem curso superior.
  • A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2013 mostrou que, da população brasileira ativa, os idosos representam 7,2%, com um aumento de 35,8% na última década.
  • Um levantamento feito pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) indica que 46% dos idosos tendem a aumentar as atividades de lazer, e o turismo é o que mais consome a renda nessa fase da vida.

Será preciso olhar com muita atenção, acompanhar de perto as movimentações desse perfil de consumidor e adaptar cada vez mais o diálogo e a forma de apresentar tua marca para essas audiências. Sem contar com o fato de que não temos a menor ideia de qual será o perfil dos nativos digitais quando forem mais velhos. Se eles já possuem outra lógica agora, imagine no futuro.

O cenário está posto e vai forçar uma guinada de reposicionamento das marcas. Isso vai passar pela estruturação das conversas, pela mudança das narrativas, pela revisão das mídias de impacto e, principalmente, pela leitura do comportamento. Mexa-se, pois o tempo vai passar rápido, na velocidade que você nem imagina.